Informações sobre o pet Chow Chow

A Origem da Raça Chow Chow

racas-de-caes, caes, animais-de-estimacao -  - Informações sobre o pet Chow Chow

O Chow Chow é uma das mais velhas raças de cães que foram criadas pelo homem sem que experimentasse grandes modificações em suas propriedades. Existem diversos registros históricos onde se encontra alguma notícia sobre esta espécie, inclusive em registros de 11.000 A.C.
Vários creem, erroneamente, que a sua formação ocorreu na China, todavia, de fato, aconteceu na Mongólia. Isso se deve pela natureza desse cachorro, que se mostra igual às peculiaridades das tribos da Mongólia.
Com uma era cheia de ocupações na China, os mongóis trouxeram esse cachorro muito cativante para as terras chinesas. Sua imagem se assemelha muito a de um leão, além de serem robustos e magnificentes. Para os mais religiosos, o breu que existe na boca de um Chow Chow é um modo de manter afastados os espíritos malígnos.

Peculiaridades do Chow Chow

Sua robustez, grandeza, fidelidade e autodomínio se ressaltam como suas particularidades notáveis, contudo seu comportamento fechado também merece atenção. É veloz e harmônico em seu conjunto. A despeito da aparência ímpar e da linda pelagem, a língua de cor azul escuro é típica da raça.
A cabeça é larga, o stop não é demasiado protuberante, com a trufa comprida, sempre de coloração preta, excetuando os exemplares de cor creme ou praticamente esbranquiçados, em que a trufa de cor mais clara é assentida, no entanto a de coloração preta seja a todo o momento predileta.
Os olhos são enegrecidos, pequeninos, de molde oval. É permitida uma coloração semelhante à da pelagem nos exemplares azulados e fulvos. Ele tem as orelhas separadas, bem densas, embora curtas. Seu dorso é estreito, reto e forte, seu peitoral é largo e fundo, e seu rabo é levantado, envergado e bem colocado na anca.
Conta com um largo e elegante pelo, bastante espesso, sendo possível ser liso ou áspero, sensível sempre que afagado e com uma pelagem da parte interna sedosa. Sua cor difere, tendo a possibilidade de inúmeras tonalidades: preto uniforme, vermelho, azulado, castanho ou esbranquiçado, com tonalidades, porém sem nem uma mancha; sobre o rabo e posterior a sua coxa, a coloração é, comumente, muito clara.

Psicológico do Chow Chow

De modo geral, o Chow Chow apresenta comportamento manso e sossegado, todavia é um cachorro retraído, insubmisso, com forte impulso natural de caça, protetor aficcionado e absolutamente sincero ao dono. Ele, mesmo sendo calmo e tranquilo, pode chegar a ser hostil com indivíduos estranhos a sua convivência diária.
O treinamento e a sociabilização precoce são imperativos para a raça que possui tendências a tornar-se teimosa e menos aberta ao adestramento depois da fase adulta. Se você é inexperiente e não tem domínio, é melhor não ter este espécime, pois ela é bem resistente e autoritária. Quanto mais cedo você começar a ensiná-lo, mais você terá êxito em instruí-lo e deixá-lo mais amável. Quando atinge a fase adulta, o Chow Chow também pode revelar-se hostil com outros cachorros, principalmente os que têm o mesmo sexo.
Eles tendem a ser muito inquietos, por causa disso caminhe com eles periodicamente, para que não tornem-se agressivos de seus pertences e muito nervosos. Entretanto, esta espécie não tem necessidade de grandes residências, podendo, ainda, viver em apartamentos.

Vantagens de ter um Chow Chow

Comumente os Chows são cães de ‘um dono somente’ e deixam bem claro o predileto. Com indivíduos estranhos, eles são ainda mais ariscos. Por sua origem como cão sentinela, o Chow Chow sustentou sua característica possessiva e como esporadicamente late, quando isto acontece é um indício de que possui motivos muito fortes para uma verificação.
Seu corpo e a pelagem numerosa não aconselha exercícios em excesso principalmente ao longo dos períodos mais quentes do dia. Caso sejam demasiadamente forçados, a pigmentação da língua vai atenuando-se, o que é um indício claro de que devem relaxar.
A despeito de sua pelagem excessiva, não têm o costume de perder muito pelo ao longo do ano, apesar disso, na época da ‘muda’, a queda é acentuada. A fim de que a pelagem se mantenha saudável, é preciso cuidados extras com as escovações. O pelo dos Chow Chow possui uma oleosidade natural, por isso os banhos precisam de ser comedidos e jamais imoderados.

Problemas habituais do Chow Chow

A genética do Chow Chow demonstra que um dos grandes distúrbios de saúde do cachorro é uma infecção no olho chamada de “Entropia”. Essa infecção é causada por uma anomalia em suas pálpebras. Por causa disso faz-se essencial a limpeza em sua extensão ocular frequentemente. Outras doenças podem acometer o Chow Chow, como a displasia da bacia, luxação no jarrete e a catarata.
Ainda, em alguns casos, pode ocorrer certos problemas na pele e algumas complicações hormonais.
Por causa de, anteriormente, o cachorro ter sido puxador de trenó, muitas vezes é possível ser complicado andar com ele pela rua, devido a isso é importante o socializar, ou se não for praticável, busque andar com ele na rua em horários que estejam poucas pessoas passando pela rua.

Atividades e perfil psicológico da raça Chow Chow

É necessário domesticar o Chow Chow, no momento em que possível, com bastante carinho, paciência e indulgência, mas a todo momento com disciplina, deixando claro para ele que você é o comandante.
O estilo de pelo alisado tem necessidade de escovadela toda semana; já o estilo mais áspero precisa ser penteado de dois em dois dias, ou diariamente ao longo da etapa de troca de pelos.
A escova necessita ser leve e flexível, para que seja capaz de retirar por completo os embolados. Se houver algum embolado, primeiramente remova-o com a mão, a seguir passe o pente brandamente. Dê um banho mensalmente no seu Chow Chow.
O Chow Chow pode morar dentro da casa e dormir no piso, seja da cozinha ou em um lugar que ele considere confortável. O exercício se faz preciso constantemente.
Toda a alimentação do seu cão precisa ser efetuada com bastante equilíbrio, incluindo proteínas, hidratos, gorduras, mineirais e vitaminas. Eleja uma ração de boa qualidade. O Chow Chow precisa sempre possuir acesso a uma vasilha de comida e uma d’água.

Os Filhotes do pet Chow Chow

Na escolha das crias, é crucial relembrar que, na ocasião em que os filhotes de Chow Chow nascem, têm a língua apenas rosada, que vai negrejando progressivamente até que se torna completamente “preto-azulada” no momento em que eles têm 8 semanas de existência.
Mesmo que eles possam ser incríveis cães de acompanhamento, não vão poder ser expostos e nem deverão ser empregados para proliferação, dado que esta é uma falta que o desclassificaria.
Por suas características de temperamento, as crias precisam ter lições de obediência desde bem novo. Esses filhotes não são totalmente destruidores ou bagunceiros, a adestração deve ser efetivada para reduzir o seu ímpeto violento.
Até os seis meses de idade, os filhotes precisam de ser nutridos de 4 a 5 vezes ao dia. Depois disto, o número deve minimizar progressivamente, até uma alimentação pela manhã e mais uma ao entardecer.

Curiosidades sobre o Chow Chow

racas-de-caes, caes, animais-de-estimacao -  - Informações sobre o pet Chow Chow

Não é possível garantir perfeitamente o passado do Chow Chow. O que se compreende a respeito é: sua procedência é de origem chinesa e provavelmente são oriundos do Mastim Tibetano.
– A espécie é chinesa, entretanto Chow Chow não é uma nomenclatura chinesa. É um termo proveniente do inglês coloquial com o intuito de se aludir aos adornos e às importações da Ásia. Seu título significa “Cachorro Leão Empolado” no nosso idioma.
– Podemos investigar a procedência do Chow Chow, percebendo sua língua. Caso seja mais puxado para o rosa, não é uma raça pura.
Efetue uma tosa constantemente, com o intuito de manter o pelo bem tratado e bem bonito.
Ele não é uma espécie notável em natação. Muitas pessoas podem presumir que os cachorros são bons nadadores, entretanto o Chow Chow é um caso à parte. Pela espessura da pelagem do Chow Chow, ela torna-se mais pesada e ele não consegue suportá-la ao passo que vai encharcando.